25 de novembro de 2006

As tangas do Ricardo (15)

Era perto de meia-noite. O Ricardo chama-me mais uma vez.
"Pai, tenho cocó."
Rápida inspecção à fralda confirma a suspeita:
"Não tens nada na fralda, Ricardo. Já deitar!"
O Ricardo aponta para o traseiro: "Pai, não é na fralda. O cocó ainda está aqui dentro..."

Adenda
Hoje de manhã, dizia o Ricardo:
"Hoje não é dia de escola. É dia de cocó."

4 comentários:

Gonçalinho disse...

Se ele já toma consciência de que vai fazer o dito cujo, é de festejar. Qualquer dia larga a fralda de vez!
(A não ser que fosse uma tanga para não dormir e chatear o papá)

Aves Raras disse...

Chatear o papá não é nunca a intenção, que eu me dê conta. A intenção era, neste caso, arrastar mais uns minutos o processo de ida para a cama.

Gonçalinho disse...

Só agora reparei no comentário ao "Resposta alheia", lá no Strix.
Devo dizer-lhe que admito que a informação por parte do Estado condiciona a escolha do cidadão. Mas não vincula o cidadão a fazer o que lhe é aconselhado. É o castigar da escolha contrária à informação que me chateia. ;)

maresia_mar disse...

Ah ah.. os miudos são tramados...
Quanto à pergunta que me fizeste sobre o encontro de familias posso informar-te que foi realizado na minha paróquia pelo secretariado da catequese, era aberto à comunidades mas mais a grupos especificos de crianças/ adolescente /pais, o tema era solidariedade, o que se pode fazer como familia, olhando à nossa volta que problemas encontramos? Como devemos agir. Tivemos um padre jovem e missionário a dirigir o plenário. Foi muito enriquecedor, cada um dizia o que lhe ia na alma, todos podiamos dar a nossa opinião. Foi deveras interessante e enriquecedor, foi uma tarde de domingo diferente! bjhs e bom resto de semana